Prefeitura oferece transporte gratuito para pacientes em tratamento fora do município

In Destaque, Saúde

A Prefeitura de Ielmo Marinho está disponibilizando para a população o “Saúde em Movimento”, um serviço especializado que garante o transporte de pacientes em tratamento. Funcionando desde o começo deste ano, o “Saúde em Movimento” faz o atendimento de centenas de pessoas do município.

A frota é composta por 20 automóveis (terceirizados) com investimento R$ 110.000,00 mês e 1 van que foi adquirida com recursos federais, no valor de R$ 188.000,00 adaptada com elevadores para o acesso de cadeirantes para o transporte de pessoas que residem nas comunidades.

“Este serviço foi reestruturado para garantir aos pacientes usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) a assistência necessária para chegar até o local do tratamento”, diz a secretária de saúde Eliege Oliveira.

O prefeito Dr Cássio, explica que os veículos fazem o transporte de pacientes para hospitais e clínicas dentro ou fora do município. “A van e para consultas e exames de média e alta complexidade mediante a necessidade do paciente. Se ele precisar se deslocar do município para qualquer outro local, o transporte será realizado”, afirma o prefeito.

O prefeito destaca que a administração vem realizando investimentos para possibilitar mais conforto às pessoas que necessitam viajar para cuidar da saúde. Saúde é nossa prioridade e, temos o objetivo de prestar a melhor assistência possível a todos os Ielmomarinhenses que precisam do serviço tanto aqui na sede quanto em outras comunidades.
O serviço é destinado aos pacientes em tratamento de hemodiálise, radioterapia, quimioterapia, fisioterapia, com dificuldades de locomoção ou que tenham alguma deficiência física, que se encontram em tratamento no SUS.

COMO SOLICITAR – Para utilizar o serviço de transporte do “Saúde em Movimento”, o usuário ou seu representante legal, deve comparecer ao setor de transporte, na secretaria de saúde municipal para realizar o cadastro, das 8h às 14h.

Para se cadastrar é necessário apresentar: carteira de identidade, cartão do SUS, comprovante de residência atualizado e o laudo médico (cópia). Após o registro, as viagens devem ser agendadas com três dias de antecedência, informando a data e horário. Pacientes em tratamento contínuo (hemodiálise, quimioterapia) só precisam realizar o primeiro agendamento e posteriormente, apresentar o calendário dos demais dias de atendimento.

Eliege Oliveira acrescenta que a Secretaria de Saúde disponibiliza o serviço de alta hospitalar. “São para pacientes que recebem alta e não possuem meios próprios para retornar para suas residências”, explica.

Mobile Sliding Menu